EDUCAÇÃO COMO FERRAMENTA DE TRANSFORMAÇÃO A PARTIR DE BELL HOOKS

Autores

  • Ira Vovos Universidade de Barcelona

Resumo

Neste artigo pretendo reflectir e discutir sobre a educação e prácticas pedagógicas inovadoras desde a perspectiva contemporânea de bell hooks. A proposta educativa torna-se um elemento transformador e emancipador social e político tendo como base as conexões entre a teoria e a práctica das acções políticas próprias do movimento afrofeminista. É necessário (re) pensar a educação como uma práctica para a liberdade. Transgredir as fronteiras da educação e dos meios didácticos é um desafio para a educação contemporânea, a tarefa consiste em romper e desconstruir a escola tradicional e as suas prácticas opressoras. Pretende-se de um modo geral, conceitualizar e analisar as diversas concepções de uma educação como um modo de aprender em liberdade. De um modo específico, procura-se explicar e identificar que a educação cria as bases para uma consciência individual e colectiva; comprender que essa mesma educação humanista e inclusiva cria os mecanismos didácticos para uma igualdade entre mulheres e homens. A pedagogia engajada possibilita a criação de um espaço de dialógo e de aprendizagem colectiva e a construcção de uma educação que se baseia em valores éticos e humanos. Esta práctica pedagógica possibilita o desenvolvimento integral e autônomo do sujeito em toda a sua complexidade. A concepção e contribuição educativa de bell hooks traz uma abordagem de pensarmos em educar para gerar uma consciência crítica sobre o processo de aprendizagem que permite a criatividade e o encontro com o conhecimento. Ao mesmo tempo incentiva que mais mulheres possam encontrar a sua própria voz dentro da criação de uma consciência colectiva em relação ao forças opressivas do patriarcado.

Palavras-chave: Educação. Pedagogia. Afrofeminismo. Consciência Social. Filosofia Política.

Biografia do Autor

Ira Vovos, Universidade de Barcelona

Doutoranda do Programa de Doutoramento sobre Cidadanía e Direitos Humanos: Ética e Filosofia Política da Escola de Doutoramento da Faculdade de Filosofia da Universidade de Barcelona. Linha de Investigação sobre: Filósofas do Séc. XX: aportações ao pensamento filosófico e político. Tema da Tese de Doutoramento: Afrofeminismos Emergentes em Filosofia Política: um projecto educativo a partir de bell hooks. Docente da Faculdade de Filosofia da Universidade Eduardo Mondlane. Áreas de actuação: Feminismo, Filosofia Política, Educação, Direitos Humanos.

Downloads

Publicado

2024-05-24

Edição

Seção

DOSSIÊ LEITURAS DECOLONIAIS II: Novas práticas nas Humanidades e no Ensino